Cerveja DeuS Brut des Flandres: conheça a sua produção e história

Ad Blocker Detectado

Our website is made possible by displaying online advertisements to our visitors. Please consider supporting us by disabling your ad blocker.

Quanto você pagaria por uma cerveja? Pagaria mais de 200 reais na bebida? Alguns de vocês podem até arregalar os olhos, mas alguns sabem exatamente onde estamos querendo chegar. Quando a cerveja começou a ser produzida, lá na antiguidade, era comum se referir À ela como um líquido divino, devido ao efeito que o álcool tem no nosso organismo.

Leia também: Cervejas mais caras do mundo: confira a lista com as melhores

Muita coisa mudou de lá para cá. Por exemplo, ao invés de dizer que nos sentimos abençoados ao beber cerveja, dizemos, simplesmente, que estamos bêbados. Mas, isso não significa que paramos de relacionar a cerveja com uma bênção divina.

Apesar de não ter nenhuma origem religiosa, a cerveja de Deus é o maior sucesso entre os cervejeiros do mundo todo e, se você perguntar para as pessoas certas, elas dirão que facilmente pagariam mais de 200 reais na DeuS Brut des Flandres. Ficou curioso para conhecer a cerveja dos deuses?

A cerveja DeuS Brut des Flandres

A cerveja dos deuses faz parte da família das Ale, o que faz dela uma cerveja de sabor e aromas mais frutados, embora seja um pouco menos encorpada do que as cervejas dessa família costumam ser, por se aproximar um pouco de uma champagne. A aproximação com os espumantes é um resultado direto do seu processo de produção, que se assemelha bastante com o dos vinhos e champagnes.

O processo de produção da cerveja dos deuses

A DeuS Brut des Flandres tem um processo de produção bastante particular. Ele começa na Bélgica, onde são realizadas a primeira e a segunda fermentação.

Após esses processos, porém, a cerveja dos deuses é levada para uma vinícola francesa, onde ela é envasada em garrafas de champagne e passa pelo mesmo processo de repouso que os vinhos franceses no seu processo de produção. O resultado disso é uma cerveja de sabor único e complexo como você nunca experimentou.

Os sabores e aromas da DeuS Brut des Flandres

Ao abrir uma garrafa da cerveja dos deuses, você poderá experimentar uma série de aromas complexos e distintos. Entre eles, é possível notar os inconfundíveis traços cítricos, complementados por notas de alecrim e manjericão, tornando quase impossível de perceber os traços do álcool.

O mesmo acontece ao degustar alguns goles da cerveja. O gosto do álcool é extremamente leve, o que faz a cerveja descer com muito bem e com muita facilidade. Misturado a ele, é possível notar os sabores cítrico e frutado, em especial do abacaxi, com notas de ervas completadas pelo gostinho doce do malte.

O sabor final é muito semelhante ao do vinho branco e, como mencionamos anteriormente, a cerveja dos deuses tem um corpo mais leve do que as Ale costumam ter, deixando ela mais simples de se apreciar.

Muitas coisas fazem uma cerveja ser especial. Fatores que vão muito além do seu sabor podem influenciar na sua experiência ao degustar a bebida. Todo o ritual da sua produção, assim como a mitologia em torno da própria cerveja, colaboram ainda mais na hora de apreciar a cerveja dos deuses.

Depois de saber disso tudo, você já está disposto a pagar caro para ser dono de uma garrafa?

Leave a Reply